notícias Kress

19/09/2018

Casos de sífilis tiveram um aumento de 72% no Acre


De acordo com os dados da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), em 2016 foram registrados 586 casos da doença, enquanto em 2017 este número saltou para 1.007.


Até metade de 2018, foram 442 casos descobertos.


O coordenador do departamento, Nelson Guedes, crê que o aumento se deva ao fato das unidades de saúde passarem a fazer o teste rápido, o que aumentou o número de pessoas realizando os testes e, consequentemente, o de casos diagnosticados.


É válido diferenciar que este número é para os casos de sífilis em adultos, onde a doença é transmitida por via sexual.


Existe também a sífilis congênita, em crianças de 0 a 1 ano, que é quando a mãe transmite a bactéria para o bebê. Nestes casos o número também aumentou, de 86 diagnósticos em 2016 para 102 em 2017. Em 2018, 50 crianças foram diagnosticadas com sífilis.


O mesmo estudo mostra que a quantidade de casos em gestantes também subiu em 14% no período de um ano. Só em 2018 já foram diagnosticados 206 casos.


Fonte.